Automatizações não autorizadas para Instagram: está a colocar o seu perfil em risco ao usar a ferramenta errada?

O Instagram pode banir uma conta por uma série de motivos. Sabe que o seu perfil pode ser excluído desta rede social caso use uma ferramenta que não respeita as limitações impostas pela própria API do Instagram?

Por isso é imperativo respeitar as regras, mesmo que isso signifique nem sempre conseguir automatizar alguns processos. É preferível respeitar as limitações impostas do que colocar a conta da sua empresa e os dados dos seus utilizadores em risco.

 

Por que algumas funcionalidades do Buzzmonitor não estão disponíveis para Instagram?

O Instagram não permite que ferramentas, sites e aplicações externas e não autorizadas automatizem alguns processos para perfis do Instagram. Caso essas ferramentas o façam, estão a desrespeitar os Termos de Serviço (TOS) do Instagram – leia mais aqui.

Com o objetivo de preservar a comunidade que construíram e desenvolveram com uma base de utilizadores autêntica, o Instagram não se desvia um milímetro na sua decisão em não autorizar os bots e qualquer outra técnica de automatização na plataforma.

Por isso, alguns recursos são disponibilizados apenas para Instagram Partners, como o Buzzmonitor, empresas idóneas que seguem as regras impostas pela rede social. Porém, ainda assim, algumas funcionalidades não estão disponíveis nem mesmo para os Partners. Esta indicação deve ser respeitada, uma vez que é essencial para manter a segurança da empresa e dos clientes.

Por exemplo: não é possível agendar e publicar vídeos e imagens em carrossel para Instagram pelo módulo Publicador do Buzzmonitor, apenas imagens e vídeos isolados – e até 25 conteúdos por dia – assim como também não há suporte para as Direct Messages (não são coletadas e não podem ser respondidas pela nossa plataforma). Esta é uma limitação da API oficial, como pode ser consultada aqui.

As ferramentas que conseguem contornar estas limitações fazem uma espécie de “engenharia reversa” com a API do Instagram e tornam possível a automatização de processos para a rede social. Mas, como é óbvio, isso coloca em risco inúmeras contas de utilizadores.

CUIDADO: qualquer empresa que lhe apresente estas funcionalidades para Instagram (e tantas outras que não são autorizadas pela plataforma) vai estar a colocar a sua conta e os dados dos seus clientes em risco!

 

Então, o que é que a API do Instagram permite a aplicações externas parceiras, como o Buzzmonitor?

 

Sem conta autenticada, permite:

  • Colectar publicações realizadas em páginas públicas e comerciais, através de pesquisa por hashtag ou por perfil
  • Métricas de performance como: número de seguidores, número e tipo de publicações, número de interações, engagement e top posts.

 

Com conta autenticada, permite:

  • Publicações, comentários, respostas, menções, marcações, ads (posts patrocinados) e stories da página administrada;
  • Métricas de performance, como: alcance, impressões, cliques em enviar email ou ligar, despesas em ads e métricas de stories.
  • Responder a comentários das publicações do perfil
  • Agendar até 25 publicações estáticas com imagem e vídeo, no intervalo de 24 horas.

 

É possível identificar quais são as ferramentas seguras?

Sim, é! Aliás, o ecrã de inscrição dá, logo à partida, a indicação sobre a fiabilidade da ferramenta.
As ferramentas de terceiros não devem armazenar detalhes de inscrição de utilizadores, especificamente senhas (dado confidencial). Ou seja: qualquer aplicação que solicitar a sua password está a fazer algo que não é permitido pelo Instagram. Se precisar de fornecer a sua password, estará a colocar-se em risco.

O Buzzmonitor NUNCA irá pedir a senha de acesso dos utilizadores para autenticar um perfil na plataforma, até porque, hoje, este processo é feito via Facebook e a nossa autenticação funciona com padrão OAUTH, o que garante a segurança do cliente e a nossa também. Leia mais sobre o processo de sincronização no Buzzmonitor aqui.

Além disso, procure saber mais sobre as empresas e ferramentas que são Instagram Partners, como é o caso do Buzzmonitor. Esse selo é oferecido apenas para as empresas seguras, que respeitam os dados dos utilizadores e que atuam segundo as regras impostas pela rede social. Pode consultar o directório de empresas aqui.

 

E como é que os utilizadores podem ser punidos? Alguém foi, de facto, penalizado?

Quando o Instagram não permitia que utilizadores e proprietários de ferramentas de automatização oferecessem agendamento automático no Instagram, por exemplo, algumas empresas que não respeitaram estas indicações foram punidas. São exemplos disso a MassPlanner e a Instagress, duas das maiores empresas do ‘Automated Bot’ que, inclusive, foram forçadas a encerrar a sua atividade.

E porque é que estas empresas foram punidas? Uma encheu a rede social com milhares de comentários feitos pelo bot e a outra permitiu que as pessoas executassem 40 contas do Instagram de uma só vez, redirecionando o conteúdo dos utilizadores sem permissão, enchendo esses mesmos utilizadores com comentários que se tornaram SPAM.

Desde a polémica da Cambridge Analytica, o Facebook e o Instagram, por consequência, fizeram uma série de modificações nas suas APIs para garantir a segurança dos utilizadores. Leia mais no artigo do Social Media Today sobre o caso que agitou 2018.

Atualmente, a API do Instagram não permite:

  • a coleta de respostas em comentários patrocinados
  • publicações em anúncios dinâmicos, posicionamentos automáticos e criativos dinâmicos
  • coleta de comentários de perfis de terceiros (contas não administradas por quem está a utilizar uma ferramenta como o Buzzmonitor), IGTV e Lives.
  • Também não disponibiliza retroativo de analytics, não permite dar likes em comentários e restantes publicações e não permite agendar carrossel nem stories.
  • Não é possível, igualmente, responder às DM’s e Stories em aplicações externas.
ATENÇÃO: Todas as empresas ou aplicações que fizerem o que acabamos de listar estão a violar as regras do Instagram e a colocar a sua conta em risco!

 

Consequências do não cumprimento das limitações impostas pelo Instagram:

1. A sua conta pode ser banida ou desativada
Este é o pior cenário, uma vez que pode significar deixar de estar presente nesta rede social e deitar ao lixo todo o trabalho realizado até então. A verdade é que várias marcas arriscam e vinculam os seus perfis a esses aplicativos; no entanto, a consequência pode ser muito grave.

2. A sua password pode ser divulgada devido a uma qualquer vulnerabilidade na ferramenta ilegítima
O que significa que pessoas não autorizadas podem ter acesso ao perfil da sua marca. Consegue imaginar o impacto que pode ter uma publicação não autorizada num canal oficial da sua marca?

3. As suas publicações podem ser excluídas
Alguns utilizadores relataram que certas fotografias foram apagadas após a utilização de aplicações/plataformas/sites de automatização que não respeitam os limites impostos pelo Instagram. Saber mais aqui.

4. Pode ser bloqueado
A conta ainda fica ativa, mas não é mais possível administrá-la; ou seja, deixa de ser proprietário da sua conta. E é um desafio ter feedback por parte da equipa de suporte do Instagram. 🙂

 

Depois de ter deixado de utilizar ferramentas não seguras, é importante tomar algumas ações.

Provavelmente autorizou o acesso dessas aplicações à sua conta do Instagram e por isso é recomendável que veja, de vez em quando, quais é que ainda estão vinculadas à sua conta.
Basta aceder ao Instagram, clicar no ícone de engrenagem e em “Aplicações autorizadas” ver a lista de aplicações associadas à sua conta. Para remover qualquer um, basta clicar em “Revogar acesso”. Reveja a sua lista aqui.

Porém, algumas aplicações que usam utilizador e password podem não aparecer nesta lista. Então, para evitar qualquer acesso à sua conta, recomenda-se que a senha de acesso seja trocada imediatamente.

 

Opte por trabalhar com um Instagram Partner como o Buzzmonitor!

 

 

Escolha uma ferramenta que ofereça recursos de automatização para Instagram que respeitam as regras e que funcionem para si e para a sua marca. E, hoje, há um Programa de Parcerias Marketing Partner do Instagram que permite acesso à API oficial do Instagram.
Isso significa que as empresas que conseguem fazer parte deste programa podem fazer processos automatizados na rede social, sem infringirem qualquer regra. Saiba mais sobre o programa Instagram Partners aqui e aqui.

 

 

Contacte um consultor

Contacte um consultor
Automatizações não autorizadas para Instagram: está a colocar o seu perfil em risco ao usar a ferramenta errada?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Voltar ao topo